FREE THE JAZZ!!!

IMPROVISED MUSIC, JAZZ ANARCHY, NEW THING, INSTANT COMPOSITION, OUT JAZZ, ALEATORY MUSIC, MODERN FREE, FIRE MUSIC, NOISE, AVANT-GARDE JAZZ, INTUITIVE MUSIC, ACTION JAZZ, FREE IMPROVISATION, JAZZCORE, CREATIVE IMPROVISED MUSIC. FREE THE JAZZ!!!

*SOBRE (about us)...

sábado, 7 de maio de 2011

Um olhar para a Rússia (e cercanias) – IV

Ainda Sergey Kuryokhin (1954-1996).
Mesmo tendo se aberto a outros instrumentos e investigações sonoras, Kuryokhin jamais abandonou o piano. Seu instrumento de formação e origem permaneceu fornecendo ao músico russo um meio de expressão insuperável. Como já dissemos, o primeiro álbum de Kuryokhin sob seu nome foi “The Ways of Freedom”, gravado em abril de 1981. Nesse disco é possível apreciar a amplitude das influências e caminhos pianísticos de Kuryokhin. Outros trabalhos solistas vieram no decorrer da carreira, como “Some Combinations of Fingers and Passion” (1991), “Popular Zoological Elements” (1987) e “Liverpool”.

Um crítico já disse que sua música para piano pode ser localizada em algum ponto entre Cecil Taylor e Misha Mengelberg. Junto a isso, temos de acrescentar suas influências eruditas e vanguardistas. Admirador de John Cage, o músico russo gravou com piano preparado e, ao lado do saxofonista Keshavan Maslak, lançou o disco-homenagem “Dear John Cage” (1996), realizado apenas com piano e flauta de bambu.

Em dezembro de 1988, em excursão pelos EUA, Kuryokhin se apresentou no New Music America Festival, na cidade de Miami. O pianista russo recebeu como convidado, em uma de suas apresentações, o vocalista nova-iorquino David Moss (1949). Também percussionista, Moss teve com Bill Dixon uma de suas primeiras importantes associações (71-73). Depois tocaria com John Zorn, Richard Teitelbaum, Otomo Yoshihide, George Lewis, Tom Cora e a Filarmônica de Berlim. A participação de Moss neste Two for Tea é realmente a de um convidado. O prato principal (e mais extenso) do álbum é uma peça de piano solo de Kuryokhin, que revela a amplitude do trabalho do músico russo com seu instrumento de origem. Moss entra em cena, mudando o tempero do concerto, apenas nas duas últimas faixas.




 

1. Intro 1 (0:32)
2. Nobody Nose [piano solo] (38:37)
3. Intro 2 (0:13)
4. Two For Tea (12:53)
5. Just A Rehersal (12:51)

TfT 

*Sergey Kuryokhin: piano, voice
*David Moss: vocal, percussion (4,5)

Recorded live December 9, 1988 at the New Music America Festival in Miami, Florida, USA. Track 5 recorded during rehersal/soundcheck. Tracks 1 to 4 recorded during the concert performance.

Nenhum comentário: